Audiência pública na Assembleia irá debater combate à corrupção

por Igor_Cruz — publicado 22/02/2016 12h55, última modificação 22/02/2016 12h55
Proposta pelo deputado Ribamar Araújo, evento acontece no dia 18 de março...


O deputado Ribamar Araújo solicitou à Mesa Diretora da Assembleia Legislativa, a realização de audiência pública a ser realizada no dia 18 de março, às 9h. O tema em discussão será o combate à corrupção. O ato será realizado na Assembleia Legislativa.

Segundo Ribamar Araújo, diante dos fatos ocorridos frequentemente no Estado e no país, os desvios de verbas públicas, apesar de se tornarem manchetes em todas as mídias do Brasil, acabam caindo no esquecimento do povo assim que surgem novas denúncias.

“A população e as instituições parecem anestesiadas com tantos escândalos e a falta de punição dos autores dos crimes” ressaltou o deputado.

Para o parlamentar, a população precisa reincorporar movimentos contra a corrupção de uma maneira mais firme, pois, “atos de combate à corrupção são fundamentais, mas não podem ter um objetivo genérico”, frisou.

Ribamar Araújo disse que é preciso atacar as causas dos “problemas crônicos” que travam o fortalecimento das instituições e dos hábitos políticos do próprio país, que segundo ele, passam pela impunidade da maioria dos agentes públicos e privados que praticam delitos em detrimento aos cofres públicos.

“Não podemos mais fechar os olhos ao que acontece à nossa volta, pois se ficarmos omissos, também seremos responsáveis por essa situação”, alertou o deputado.

Ao concluir, o parlamentar disse que a sociedade precisa de uma resposta a esses desmandos, através de ações voltadas para o aperfeiçoamento dos sistemas de controle de uso e gasto do dinheiro público, bem como para a proposição de leis visando dificultar a atuação desonesta de agentes públicos e privados.

“O combate à corrupção contribuirá para a efetividade judicial e garantirá os princípios inseridos na Constituição Federal”, finalizou Ribamar Araújo.


ALE/RO - DECOM - [Juliana Martins]

Foto: José Hilde

registrado em: