Deputado Cabo Jhony Paixão e gerente do Procon cobram informações sobre abusos da Energisa

por Ronaldo Afonso do Amaral publicado 08/10/2019 21h45, última modificação 08/10/2019 22h40
Parlamentar esteve na sede da empresa em Ji-Paraná e testemunhou várias denúncias


O Programa Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) de Ji-Paraná notificou a empresa Energisa, para que em cinco dias, justifique ou esclareça os reais motivos para a problemática apresentada pelos consumidores. São dezenas de reclamações de consumidores insatisfeitos com a empresa, devido ao aumento nas contas de luz e as constantes quedas de energia na área urbana e rural. 

A gerente regional do órgão de defesa do consumidor Luana Stocco, juntamente com o deputado Estadual Cabo Jhony Paixão (Republicanos), protocolou o documento no escritório da empresa, no momento em que dezenas de usuários aguardavam a vez para formular relações e maioria do aumento exorbitante, alguns com mais de 100%, na conta de energia. 

A empresa Energisa assumiu a distribuição de energia nos municípios do Estado no ano de 2018 e já enfrenta uma investigação por possíveis irregularidades nos serviços prestados. A investigação foi aberta pelos deputados estaduais de Rondônia. Uma comissão parlamentar apura as denúncias. 

A gerente do Procon em Ji-paraná disse que, “a empresa Energisa foi notificada para que, em um prazo de cinco dias, preste informações sobre cobrança de auto revelia, oscilações, aumento desproporcional nas contas, bem como a falta de energia constante, motivo de reclamações diariamente, somando até o momento mais de 2.000 pessoas insatisfeitas com o serviço prestado pela empresa”, disse Luana  Stocco. 

O deputado Cabo Jhony Paixão, ficou irritado ao chegar à recepção da empresa e se deparar com aproximadamente cem pessoas buscando respostas. “São trabalhadores que estão perdendo dia de produção, comprometendo o emprego em buscas de explicações, que na maioria das vezes nem os atendentes concordam com as ações da empresa”, finaliza o parlamentar.

Fotos e Texto: Assessoria



Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples.