Deputado Geraldo da Rondônia discute incentivos fiscais e fechamento de frigoríficos

por Ronaldo Afonso do Amaral publicado 10/09/2019 18h09, última modificação 10/09/2019 18h09
Pronunciamento do parlamentar ocorreu durante reunião da Comissão de Indústria e Comércio


Na reunião da Comissão de Indústria, Comércio e Tecnologia da Assembleia Legislativa, realizada na manhã desta terça-feira (10), o deputado Geraldo da Rondônia, que é o vice-presidente, trouxe para a pauta dois assuntos que ele tem defendido constantemente e buscado formas de resoluções, principalmente no que diz respeito ao incentivo às indústrias. 

O questionamento apresentado pelo parlamentar foi sobre os fechamentos dos frigoríficos em Ariquemes, que deixou de trazer arrecadação fiscal para o estado, e consequentemente, diminuindo oportunidades de emprego e renda. “Ainda não está claro a meu ver, o motivo que levou a Frigoari a vender sua planta frigorífica (sem nunca ter funcionado) para o grupo JBS, que ainda o mantém fechado, e sem perspectiva de abrir funcionamento. É preciso investigação sobre o que de fato aconteceu com o Frigoari”. 

A segunda questão apresentada foi sobre os incentivos fiscais, na área de livre comércio, em Guajará Mirim. “O Estado precisa consolidar os incentivos para que nossos atacadistas realmente consigam competir em igualdade com as grandes indústrias de fora. Comprar e revender com preços mais justos”, finalizou.

Texto: Assessoria

Foto: José Hilde-Decom-ALE/RO

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples.