Édson Martins destaca na Assembleia os 49 anos do PMDB

por Igor_Cruz — publicado 25/03/2015 14h07, última modificação 25/03/2015 14h07
Édson Martins citou os grandes defensores da bandeira do PMDB, como Ulysses Guimarães...

 

Ao destacar o orgulho por estar em seu quinto mandato pelo PMDB, o deputado Édson Martins usou a tribuna da Assembleia Legislativa para registrar o aniversário de fundação de seu partido, que foi fundado oficialmente na Justiça Eleitoral em 24 de março de 1966, mas já agia de forma informal como Movimento Democrático Brasileiro (MDB), em 1965, quando fazia oposição à Arena.

Citou os grandes defensores da bandeira do PMDB, como Ulysses Guimarães, que em 1983 ficou conhecido como o “Senhor das Diretas Já”, liderando o movimento nacional que defendeu a escolha do presidente da República dos Brasil em eleições diretas. “Desde então se consolidou como o maior partido brasileiro, não apenas em número de filiados, mas também pelo fato de estarmos em todos os Estados e municípios brasileiros”, destacou.

Também destacou nomes como Michel Temer (vice-presidente da República); Valdir Raupp (ex-governador e senador); Confúcio Moura (governador); Tomás Correia (presidente estadual do PMDB); e, Leandro Low Lopes (presidente municipal do PMDB). Disse que o PMDB tem uma história particular neste Estado sendo que por quatro vezes governou Rondônia.

“Não é fácil ser Executivo, conciliar interesses e administrar com poucos recursos para o desenvolvimento econômico. Houve muitas conquistas neste Estado, principalmente a correção de injustiças, como reposições salariais, melhoria na saúde, com muitos avanços e celeridade nas reformas de escolas e melhoria na qualidade do ensino”, afirmou.

 

Apartes

O deputado Só na Bença (PMDB) disse que foi eleito vereador em 2008 com o maior percentual de votos em seu município. “Hoje sendo deputado estadual pelo PMDB me sinto honrado. Só posso agradecer ao governador porque a saúde tem melhorado muito”, observou.

O deputado Lebrão (PTN) afirmou que só não consegue ver quem não tem olhos e em breve haverá a descentralização da saúde nos municípios. “A implantação do Hospital de São Francisco é prova disso. As pessoas morriam no atoleiro da BR-429 antes de conseguir atendimento. A falta de investimentos do Governo Federal, que tem quebrado os municípios, o que reflete em todas as áreas administrativas. Mas é inegável os avanços na saúde em Rondônia”, ressaltou.

O deputado Dr. Neidson (PTdoB) disse que nos últimos anos viu melhoria na saúde e agradeceu o governador pela força tarefa que realizou atendimentos e cirurgias no fim de semana em Guajará-Mirim. “Espero que realize esta força tarefa em outros municípios”, argumentou.

O deputado Jean Oliveira (PSDB) disse que realmente o atual governo conseguiu avançar. “Quando há críticas é para que haja melhorias. Quando um parlamentar faz críticas precisa haver reconhecimento por parte do Executivo, porque elas têm como teor a representatividade do povo”, finalizou.

 

ALE/RO - DECOM - [Liliane Oliveira]

Foto: José Hilde

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples.