Hermínio convoca Audiência Pública para discutir privatização da Ceron

por Igor_Cruz — publicado 23/03/2017 14h42, última modificação 23/03/2017 14h42
Segundo o parlamentar, o País está em crise e a venda da empresa, agora, será um prejuízo...


A privatização da Centrais Elétricas de Rondônia-Ceron, por parte do governo do Estado, será debatida em Audiência Pública no dia 30 de março, próxima quinta-feira, na Assembleia Legislativa. A proposta para o debate foi feita pelo deputado Hermínio Coelho (PDT), que disse ser necessário entender a situação da empresa no atual momento.

Hermínio disse que o País atravessa uma recessão, o que provocará, caso a empresa seja privatizada, uma queda acentuada nos valores oferecidos para arremate. Um exemplo disso – segundo o deputado – foi a privatização da Celg-D, do Estado de Goiás, e que foi arrematada pela ENEL, empresa italiana, vencedora do primeiro leilão do governo federal. Em agosto de 2016, o valor da Celg era de R$ 2,8 bilhões e em novembro do mesmo ano foi privatizada por R$ 2,1 bilhões. Viu-se aí, afirma Hermínio, uma desvalorização em R$ 600 milhões.

“Imagine agora – diz o parlamentar – com essa crise que está avançando pelo País, e o embargo da venda de carne brasileira para o resto do mundo, os preços vão despencar e o estado vai perder muito. Temos que ter paciência e esperar um momento melhor. Mas vamos discutir o assunto e ver a realidade”.

 

ALE/RO - DECOM - [David Casseb]

Foto: Ana Célia

registrado em: