Um dia na BR 319: deputados reafirmam defesa da reconstrução da rodovia

por Igor_Cruz — publicado 28/10/2015 15h41, última modificação 28/10/2015 15h41
Parlamentares integram caravana que percorreu, durante todo o dia, o trecho entre Humaitá e Manaus..


Os deputados estaduais que integram a caravana em defesa da reconstrução da BR 319 percorreram todo o trecho da rodovia, entre as cidades de Humaitá e Manaus, com mais de 600 quilômetros de extensão. A odisséia em meio à poeira, pontes modestas e trechos mais críticos começou ainda na madrugada da quinta-feira (28).

“O povo quer, as pessoas acenam por onde passamos. Nas cidades, distritos e povoados, os moradores reforçam o pedido para que a rodovia seja reconstruída. E unidos, vamos conseguir que esse projeto vire realidade”, destacou o presidente da Assembleia Legislativa, Maurão de Carvalho (PP).

Também seguiram pelo trecho de mais de 600 quilômetros os deputados estaduais José Lebrão (PTN), Edson Martins (PMDB), Adelino Follador (DEM), Airton Gurgacz (PDT), Só na Bença (PMDB), Lazinho da Fetagro (PT), Luizinho Goebel (PV), Aélcio da TV (PP), Alex Redano (SD), Ribamar Araújo (PT) e Dr. Neidson (PTdoB).

Os veículos que integram a expedição chegaram, por volta das seis horas, ao distrito de Realidade, distante cerca de 100 quilômetros de Humaitá, onde residem aproximadamente 5.000 mil pessoas. No local, as autoridades e integrantes da caravana foram recebidos com entusiasmo pelos moradores.

De Rondônia, além de empresários e industriais, integram a caravana os senadores, Acir Gurgacz (PDT) e Valdir Raupp (PMDB); o deputado federal Lúcio Mosquini (PMDB) e o vice-governador Daniel Pereira (PSB).

“Ninguém segura mais esse clamor pela rodovia. O povo quer e a pressão vai surtir efeito e a União vai liberar a reconstrução da BR 319”, disse o empresário Elias Trepak, que mora há 10 anos em Humaitá e tem negócios no distrito de Realidade.

Alternando trechos com pedaço de asfalto esburacado e outros de terra, o começo da travessia entre as duas cidades é tranquilo. Camionetes e três ônibus que integram a caravana, um deles levando as autoridades, não enfrentaram dificuldades para trafegar.

Após passar por trechos que exigem mais atenção, especialmente nos desvios de pontes, a expedição chegou por volta do meio dia ao entroncamento da BR 174, que liga a cidade de Manicoré, com 53 mil habitantes, à BR 319.

No local, o prefeito Lúcio Flávio (PSD) e uma comitiva de moradores, recepcionaram a caravana. Em um rápido pronunciamento sob sol forte, a senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB) disse que é preciso ecoar essa necessidade da região para o país. “Aqui, estamos bradando que queremos a rodovia asfaltada e garantindo boas condições de tráfego e do escoamento da produção”.

O prefeito declarou que a rodovia vai impulsionar o turismo e também abrir mercados para a produção local. “Produzimos melancia, banana e farinha, entre outros produtos. Com a rodovia, o acesso a Manaus seria feito em cinco horas. De barco são 50 horas”, completou.

Por volta das 15 horas, a expedição chegou ao povoado de Igapó Açu, onde teve a travessia da balsa. Menos de 50 quilômetros depois, chega finalmente o asfalto e mais adiante a mais calorosa recepção da caravana, em Carreiro Castanho.

A cidade parou para receber a todos. Pelo menos cinco mil pessoas se juntaram em um posto de gasolina às margens da rodovia. Com camisetas e faixas, eles cobravam a reabertura definitiva da BR 319.

“A caravana chegou até aqui pela rodovia, que já apresenta boas condições de tráfego. Mas, temos que lutar para que melhore ainda mais e seja asfaltada muito em breve. Somando forças as lideranças de Amazonas e Rondônia, vamos conseguir”, disse o prefeito do Carreiro, Hamilton Villar (PMDB).

Já era noite quando os primeiros veículos chegaram à balsa que faz a travessia no rio Solimões. Os carros vão sendo alinhados, com as luzes de Manaus anunciando que a expedição está perto de chegar ao seu destino e mostrar que trafegar na rodovia já é uma realidade.

Nesta quarta-feira (28), às 10h, na Assembleia Legislativa de Manaus, ocorre audiência pública para discutir a reabertura da rodovia.

 

ALE/RO - DECOM - [Eranildo Costa Luna]

Foto: Marisvaldo José



FOTOS

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples.