Projeto Cinema vai à escola tem apoio da Alero

por Natália Leite Lima publicado 18/11/2022 09h13, última modificação 18/11/2022 09h13
Cineasta apresentou a parlamentar documentário que resgata cultura da Capital.
A apresentação do documentário “Vozes da Memória“ da cineasta Raissa dourado foi apresentado hoje (17) na Assembleia Legislativa de Rondônia (Alero) durante reunião com o deputado Pimentel (MDB). O objetivo da cineasta é buscar apoio para que o documentário, que resgata a cultura de Porto Velho, seja exibido nas escolas da Capital de Rondônia através do projeto “Cinema vai à escola”. 
De acordo com Raissa, o cinema é um grande aliado no processo de aprendizagem de crianças e adolescentes e o documentário Vozes da Memória, enriquece o trabalho e valoriza a cultura local. “O Cinema vai à escola é um projeto muito interessante para a educação, para o pertencimento, para a identidade cultural da cidade e eu agradeço ao deputado Pimentel por poder exibir aqui na Assembleia Legislativa e por poder apresentar esse documentário nas escolas de Porto Velho”, agradeceu a cineasta.
O deputado Pimental disse que o projeto é um resgate da nossa cultura, dos nossos costumes e do amor à cidade de Porto Velho. “ Vejo como é importante a gente valorizar uma cineasta, filha de Porto Velho, que fez um trabalho com uma capilaridade, uma abrangência de falar da tapioca, da cabaça, da nossa pi-menta murupi, do nosso rio Madeira, estrada de ferro Madeira Mamoré, do ciclo do ouro, da cassiterita. Isso é nos resgatar, nos colocar no presente e nos dá força para um futuro respeitando o amor a esta cidade e respeitando as pessoas que é a essência que o filme traduz”, elogiou o parlamentar.
Texto: Secom/ALERO
Foto: Thyago Lorentz/ALERO